Você está aqui:Home/Blog Observador do MMA/Mostrando itens por tag: Bethe correia
A+ R A-
Mostrando itens por tag: Bethe correia

Veja como foi a Pesagem do UFC 190

Sexta, 31 Julho 2015 21:22

Clique aqui, e vá para nossa galeria de imagens, para ver o que de melhor aconteceu na pesagem do UFC 190, evento que acontece neste sábado, dia 1° de agosto, na HSBC Arena, no Rio de Janeiro.

 

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Já no Rio de Janeiro, onde no próximo sábado (1) enfrenta Ronda Rousey, no UFC Rio 7, a lutadora Bethe Correia está mais do que nunca focada em desbancar a campeã do peso-galo do Ultimate. Apesar do clima de empolgação para o evento, Pitbull segue bastante chateada com a repercussão negativa de uma declaração sua, que, segundo a atleta, foi interpretada da forma errada.

De acordo com Bethe, em nenhum momento houve a intenção de atingir a família da adversária. “Eu jamais faria isso com ela ou com qualquer outra atleta. Para mim, família é sagrada. Eu respeito a família, a Ronda está apelando. Não vi o livro dela, não falo inglês. Não sabia que o pai dela tinha falecido daquela forma”, garante a desafiante.

Para Bethe, houve uma interpretação errada sobre as suas palavras. “No Brasil, quando alguém faz muito drama em relação a alguma coisa a gente tem costume de falar “não se mate” ou até um provocativo "se mate", coisas do tipo. Pelo menos aqui no Nordeste falamos bastante. Não dizemos como algo verdadeiro. É uma expressão. Como ela já fez coisas ruins no passado, falei que com a derrota ela ia querer fazer algo muito ruim. É uma expressão nossa, mas aproveitaram para usar toda a história do pai dela para criar algo que não existe”, comentou a lutadora da Pitbull Brothers.

Apesar das declarações da adversária, Bethe espera uma grande torcida em seu favor no sábado. “Os meus fãs me conhecem. Sabem que jamais eu apelaria dessa forma. A Ronda vai sentir a força da torcida brasileira e força dos meus golpes. É o sonho da minha vida e eu não vou deixar declarações falsas e infelizes me abalarem. Vou pra cima e vou voltar para casa com o cinturão”, garante Bethe Pitbull.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Para começar a semana de lutas do UFC 190, evento que acontece no sábado, dia 1° de agosto e com a cobertura diferenciada da Primeiro Round, vamos para o aquecimento com o Countdown, a contagem regressiva do Ultimate para Ronda Rousey vs. Bethe Correia.

Assista no player abaixo (o vídeo está em inglês).

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Mal o UFC aterrisou no Rio de Janeiro para o UFC Fight Night: Maia vs. LaFlare, neste sábado, dia 21 de março, no ginásio do Maracanãzinho, os fãs da cidade maravilhosa podem comemorar que mais um grande evento numerado está para acontecer ainda em 2015.

Com a luta principal envolvendo a campeã e invicta Ronda Rousey, enfrentando a brasileira e também invicta Bethe Correia, o UFC 190 vai acontecer no dia 1° de agosto, na HSBC Arena, na Barra da Tijuca.

A informação foi dada em primeira mão pela Tatame e confirmada pelo Combate.com.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Nesta quarta-feira, dia 22 de outubro, aconteceu a primeira atividade do UFC no Rio de Janeiro. Foi uma Sessão de Autógrafos no Shopping Nova América, Zona Norte da cidade com os astros Urijah Faber, Rafael dos Anjos e Bethe Correia, que interagiram com o público juntamente com as Octagon Girls brasileiras do Ultimate, Camila Oliveira e Jhenny Andrade.

A Primeiro Round, que nesta cobertura é patrocinada pela PRVT, Best Defense, King Shark e Gile Ribeiro, esteve lá. E registramos tudo para você, que clica aqui para ver os melhores momentos desta ação com os fãs.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Brasileiras a caminho do cinturão do UFC

Segunda, 01 Setembro 2014 10:23

Natural de Natal, no Rio Grande do Norte, a invicta Bethe Correia, de 31 anos, tem nove lutas e nove vitórias. No UFC, fez três combates, o último deles, nocauteando Shayna Bazsler no UFC 177.

Descendo do nordeste até o Sul do Brasil, chegamos a Umuarama, no interior do Paraná. É de lá a atleta de 22 anos, Jéssica Andrade, com um cartel de 11 vitórias e três derrotas na carreira.

No UFC, fez três lutas, onde venceu duas e vai para sua quarta luta no próximo dia 13 de setembro, em Brasília, onde enfrenta a estreante Larissa Pacheco. Sae vencer, "Bate Estaca" iguala o número de vitórias de Correia.

Mas quem estaria pronta para enfrentar Ronda Rousey pelo título? Ou será que um combate entre as duas, para daí sim, definir a vencedora e próxima desafiante?

O Brasil ainda tem Amanda Nunes, que em duas lutas no Ultimate, venceu ambas, e que entra em ação no dia 27 de setembro, frente a Cat Zingano e pode chegar a três vitórias também. A Leoa dos Ringues tem 26 anos, é natural de Salvador, na Bahia, e possui nova vitórias e três derrotas na carreira.
 

Bethe Correira, Jéssica Andrade e Amanda Nunes. Três brasileiras e apenas um objetivo: Quebrar a invencibilidade de Ronda Rousey e conquistar o primeiro cinturão feminino para o Brasil no UFC. Vamos ver quem vai chegar lá antes. Em quem você apostaria?

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94

Apesar do problema de Renan Basrão ter passado mal e deixado o card do UFC 177 24 horas antes do combate principal, onde lutaria pelo título frente ao americano TJ Dillashaw, esta edição do evento que aconteceu em Sacramento, nos Estados Unidos, foi 100% para os dois brasileiros que permaneceram.

Carlos Diogo Ferreira venceu Ramsey Nijem e chegou a 11ª vitória ana carreira sem nunca ter perdido uma luta.

mesmo comentário vale para Bethe Correia, que venceu Shayna Baszler e chegou a nove vitórias
consecutivas.

Ambos os combates terminaram por nocaute técnico no segundo round.

Já no duelo principal, TJ Dillashaw conseguiu um nocaute no último round frente ao seu novo desafiante,
Joe Soto, e manteve o título em seus domínios.

Veja os resultados completos:

UFC 177
Sacramento, Estados Unidos
sábado, 30 de agosto de 2014

Card principal

TJ Dillashaw nocauteou Joe Soto no quinto round.
Tony Ferguson venceu Danny Castillo por decisão dividida dos jurados.
Bethe Correia venceu Shayna Baszler por nocaute técnico no segundo round.
Carlos Diego Ferreira venceu Ramsey Nijem por nocaute técnico no segundo round.
Yancy Medeiros finalizou Justin Edwards com uma guilhotina no segundo round.

Card preliminar

Derek Brunson venceu Lorez Larkin por decisão unânime dos jurados.
Anthony Hamilton venceu Ruan Potts por nocaute técnico no segundo round.
Chris Wade finalizou Cain Carrizosa com uma guilhotina no primeiro round.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

A invicta Bethe Correia já está fazendo história no UFC. Aos 30 anos, tem oito vitórias na carreira e nenhuma derrota.

No Ultimate, derrotou Julie Kiedzie, na estreia, e Jessamym Duke, e já tem compromisso marcado para o mês de agosto.

A natalense vai enfrentar Shayna Baszler no UFC 176, que acontece no dia 2 de agosto em Los Angeles, Estados Unidos.

Baszler treina com a atual campeã Ronda Rousey, e vai fazer a sua estreia na organização.

A luta principal desde evento é a defesa do cinturão de José Aldo, na revanche frente a Chad Mendes. 

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

O brasileiro Glover Teixeira enfim recebeu a chance de disputar o cinturão mais cobiçado do MMA mundial, porém, o campeão era Jon Jones, o americano que já havia vencido outros brasileiros, como Lyoto Machida, Maurício Shogun e Vitor Belfort.

Nem um deles durou os cinco rounds contra o americano campeão. Glover, o mineiro de Sobrália, foi até o final. 25 minutos de combate, mas foi derrotado na decisão unânime, e o cinturão continua com o mais jovem atleta a se consagrar como detentor no UFC.

No card preliminar, a brasileira Bethe Correira venceu mais uma no UFC e manteve sua invencibilidade. A vítima foi a ex participante do TUF, Jessmym Duke, na decisão unânime dos juízes.

Veja os resultados completos do UFC 172, evento que aconteceu no último sábado, dia 26 de abril, na cidade de Baltimore, nos Estados Unidos.

Card principal

Jon Jones derrotou Glover Teixeira por decisão unânime dos jurados
Anthony Johnson derrotou Phil Davis por decisão unânime dos jurado
sLuke Rockhold finalizou Tim Boetsch com uma kimura no 1R
Jim Miller finalizou Yancy Medeiros com uma guilhotina no 1R
Max Holloway finalizou Andre Fili com uma guilhotina no 3R

Card preliminar

Joseph Benavidez finalizou Tim Elliott com uma guilhotina no 1R
Takanori Gomi derrotou Isaac Vallie-Flagg por decisão unânime dos jurados
Bethe Correia derrotou Jessamyn Duke por decisão unânime dos jurados
Danny Castillo nocauteou Charlie Brenneman no 2R
Chris Beal nocauteou Patrick Williams no 2R 

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias

Após estrear com o pé direito no UFC, a paraibana Bethe Correia se prepara para o próximo desafio na maior organização de MMA do planeta. No próximo dia 26, ela enfrentará a norte-americana Jessamyn Duke, pelo card preliminar do UFC 172, que terá na luta principal o duelo entre Jon Jones e Glover Teixeira. 

Invicta na carreira - com sete vitórias -, Bethe quer fazer história no Ultimate. Além de sonhar com o cinturão da categoria, atualmente com Ronda Rousey, a paraibana quer ser a primeira mulher a conseguir um nocaute na organização. 

"Sempre busco o combate, e minha agressividade cresce a cada luta, junto com a minha confiança. Um nocaute feminino é mais difícil de se ver do que nas lutas masculinas, pode ver pelo UFC, que até hoje não houve um nocaute de verdade, só os técnicos. Eu quero ser a primeira a nocautear mesmo, vou em busca disso e não vou deixar essa luta nas mãos dos árbitros", afirmou Bethe. 

Um dos motivos para tamanha confiança da lutadora são os treinos na Pitbull Brothers, academia dos irmãos Patrício e Patrick Freire, localizada em Natal (RN). Além de possuir alguns dos melhores lutadores leves do mundo, a equipe é reconhecida pela agressividade e o poder de nocaute.

"Infelizmente, o déficit de lutadoras aqui é muito grande, por isso fiz poucos treinos com meninas. Mas estou acostumada a fazer meus camps com os rapazes. Tem muita gente boa e leve, treino muito com o Patrício (Pitbull), Patrick (Pitbull), Rony Jason, e eles trocam comigo de igual para igual. Por isso pode ter certeza que minha preparação foi muito boa", explica.

Apesar da disso, a brasileira não deverá encontrar vida fácil no octógono. A rival Jessamyn Duke é companheira de treinos da campeã dos pesos-galos, Ronda Rousey, na Cesar Gracie Team, nos Estados Unidos. Porém, nem mesmo este fator é capaz de intimidar a "Pitbull" Bethe Correia.

"Ela é uma adversária muito agressiva, que vem com muito gás. Sei que ela treina com a Ronda (Rousey), e, assim como eu, vem crescendo no MMA. Mas isso não me incomoda, eu gosto disso, vai ser um grande desafio para mim e tenho certeza que estou preparada".  

Aos 30 anos, Bethe Correia fez a sua última luta em eventos nacionais no Jungle Fight 54, em junho do ano passado, quando derrotou Erica Paes, na decisão unânime dos juízes. Em seguida, a paraibana acertou com Ultimate e fez a sua estreia em dezembro, com vitória sobre a norte-americana Julie Kedzie. 

Assim como a brasileira, Jessamyn Duke jamais foi derrotada. Seu cartel é de três vitórias - nocaute, finalização e decisão - e um "no contest" (sem resultado). Antes de acertar com o UFC, a norte-americana lutava no Invicta FC, um dos mais tradicionais eventos de MMA feminino do mundo.

Informações adicionais


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/prime926/public_html/templates/gk_musicity/html/com_k2/default/tag.php on line 94
Publicado em Últimas Notícias
Página 1 de 2

Comentários